quarta-feira, 13 de março de 2013

Dica de Filme: Face to Face

Estive no Festival de Cinema FantasPorto 2013. A princípio fiquei meio desconfiada pois na minha imaginação seriam apenas filmes de terror(que eu detesto), decidi arriscar e ainda bem que estou aberta ao novo.
Fui surpreendida com o filme australiano chamado Face to Face, dirigido por Michael Rymer(não sei se já saiu no Brasil e qual o nome que teve ou terá ). 
Baseado em fatos reais. O filme aborda a história de um jovem que foi despedido do seu trabalho por ter tido uma crise de raiva.Após a demissão decide bater no carrão do patrão, um Jaguar.Isso é só o mote para o que vem pela frente...
O filme faz uma análise simples e direta do comportamento dos diversos funcionários da empresa, inclusive do Líder, um empresário de uma empresa de andaimes.
Fatores como clima organizacional, resolução de conflitos, assédio moral, assertividade (ou a falta dela), problemas com as chefias(que vemos todos os dias no nosso dia a dia pelas empresas seja em Portugal, no Brasil e como no filme na Austrália), má gestão da empresa, problemas de comunicação, gerando uma enorme desmotivação e as consequências desse mix no ambiente de trabalho e consequentemente no familiar. A mediação do conflito fica ao cargo de um conselheiro que está impecável em seu papel.
O filme foi contagiante, comovente, arrancou lágrimas e foi aplaudido por todos que estavam na sessão do Rivoli. 
Foi dos melhores filmes que assisti nos últimos tempos, sobre a temática da gestão de RH (ou a falta dela) e as suas consequências, de forma tão bem contada.
Recomendo para todos que se interessam por Relacionamento Interpessoal, Comunicação, Relações de Trabalho, Liderança, Motivação e Gestão de Pessoas.
 Agora é esperar para ver se vai passar no circuito normal de cinema ou se sairá em dvd. Vamos torcer, pois vale e muito a pena a reflexão.
Assistam o trailer.


2 comentários:

carlos cunha disse...

esta nota suscita evidente curiosidade quanto ao filme, melhor, quanto aos temas abordados no filme. Resta colocar nos 'pendentes' a aguardar a sua disponibilização em exibição comercial ou em DVD. Obrigado pela dica

Elis Dias disse...

Pois é Carlos, estou de olho para ver se o filme sai em DVD(pelo que sei ainda não saiu) pois merece ser revisto e divulgado cá em Portugal.