sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Círculo Virtuoso do Pensamento

Imagem do google
Você já parou para pensar no que pensa? Sim. Isso mesmo, observar como são os seus pensamentos? Se são mais positivos ou virtuosos ou negativos ou viciosos? Se ainda não fez esse exercício, te convido a parar e fazer esta autoanálise. Pode ser que você descubra que pensa mais em coisas negativas do que positivas, que tem uma certa tendência em se influenciar inteiramente pelo noticiário que explora todas as tragédias, crise, notícias chocantes e se observarmos o telejornal, ou até o jornal impresso têm boas notícias. Sim. A questão é o que vende mais? Sem dúvida o sensacionalismo. Muitas vezes nossa mente está voltada para isso. Mas e se os jornais dessem apenas boas notícias será que mudaria alguma coisa na mente das pessoas? É possível que sim. Não deixaria de ter crise, nem de acontecer factos ruins ou menos bons que fazem parte da vida de todos nós, aceitemos ou não. A questão é nos identificamos com as notícias de tragédia, passamos o dia a pensar nelas e claro fica difícil pensar em alguma solução se nos bombardearmos com esse tipo de notícia. Não é viver alienado da realidade. É saber que a realidade existe e de facto procurar uma solução.
Um autor chamado Eduardo Ferraz diz que é difícil mudar comportamento dos adultos, sem que eles entendam como são estes gerados. Por que? Porque aprendemos em criança a nos comportar como o fazemos agora, para alguns negativamente outros positivamente.
Então para mudar é preciso compreender como age o Círculo Vicioso do Pensamento:
Pensamentos geram sentimentos, que geram comportamentos(ações), que reforçam pensamentos, deixando-nos presos neste círculo vicioso(NEGATIVO). 
Para parar, interromper o círculo vicioso, terá que desenvolver o Círculo Virtuoso do pensamento:
Pensamentos geram sentimentos, que geram comportamentos(ações), que reforçam pensamentos, realimentando este círculo virtuoso(POSITIVO).
Experimente mudar seus pensamentos. Faça um experimento e depois me conte os resultados.
Bons pensamentos!

Um comentário:

Cássia Cristina disse...

Elis querida! Pesquisando um tema, encontrei seu blog, por acaso. Que grata surpresa... Saudades... Quando vem visitar o Brasil? Como anda a vida por aí?