sexta-feira, 15 de outubro de 2010

HOMENAGEM DIA DO PROFESSOR - 15 de Outubro de 2010


O Dia do Professor na atualidade quase não é comemorado. Infelizmente, isso é um reflexo de que a sociedade de um modo geral ainda não compreendeu qual a importância do professor nas mudanças de um país.
Não deveria ter uma data de maior importância. Afinal sem bons professores, não temos bons profissionais (em nenhuma área)bons policiais, bons médicos,etc. Enfim as grandes prioridades saúde, segurança, educação e economia, ficam amplamente afetadas.
O pouco que consigo acompanhar dos candidatos à Presidência do Brasil, não parecem ter como pauta prioritária a Educação. Péssimo para o país. Todos perdem. Como acham que o país irá mudar, apenas com o petróleo da PETROBRAS? ACORDA BRASIL!!!
A carreira de professor no Brasil, há muito deixou de ser atrativa, em parte pelos baixos salários, além da violência explícita exibida em sala de aula. Em grande parte por alunos que sofrem violência, que vivem numa comunidade violenta e numa sociedade idem.
Só que isto não acontece só no Brasil, em muito escolas públicas da periferia de Paris, é uma constante. Quem assistiu ao filme/documentário "Entre os Muros da Escola" (Entre Les Murs) do francês Laurent Cantet,sabe do que estou falando. Quem não viu, recomendo.
Em muitos países como Suiça, Suécia, Canadá, Noruega, entre outros a profissão de professor ainda é uma carreira valorizada e disputada por talentos. Aqui em Portugal, ser professor ainda é valorizado, não como deveria, mas muito mais que no Brasil.
Temos que ter em mente que muitos professores do Brasil sequer tem acesso à cultura, muitos vêm de uma realidade em que apenas o que "sobrou" foi ser professor.Está na hora da mudança.Sim depende de nós mudar. Não adianta ficar apenas no domínio da reclamação. Ação!
Tenho inúmeras amigas e amigos no Brasil que continuam a acreditar na Educação como diferença para a mudança. Esta é minha homenagem à todos os EDUCADORES.Continuo educadora, mesmo temporariamente distante da sala de aula formal.
Lembro sempre que SOMOS TODOS EDUCADORES!

REFLETINDO SOBRE O ATO DE APRENDER - PAULO FREIRE

Aprender não é acumular certezas.
Nem estar fechado em respostas.
Aprender é incorporar a dúvida.
E estar aberto a múltiplos encontros.
Aprender não é dar por consumado uma busca.
Aprender não é ter aprendido.
Aprender não é nunca um verbo do passado.
Aprender não é um ato findo.
Aprender é um exercício constante de renovação.
Aprender é sentir-se humildemente sabedor de seus limite, mas com a coragem de não recuar diante dos desafios.
Aprender é debruçar-se com curiosidade sobre a realidade.
É reinventá-la com doçura dentro de si.
Aprender é conceder lugar a tudo e a todos.
E recriar o próprio espaço.
Aprender é reconhecer em si e nos outros o direito de ser dentro de inevitáveis repetições porque aprender e caminhar com seus pés um caminho já traçado.
É descobrir de repente uma pequena flor inesperada.
Aprender também novos rumos onde parecia morrer a esperança
Aprender é construir e reconstruir pacientemente
Uma obra que não será definitiva porque o humano é transitório.
Aprender não é conquistar nem apoderar-se mas peregrinar.
Aprender é estar sempre caminhando, não é reter, mas comungar
Tem que ser um ato de amor para não ser uma ato vazio.

Ps: Esta linda imagem retirei do blog: blogna.tv

Um comentário:

gremunhoz disse...

Linda homenagem amiga. Como tudo que vc faz. Me candidatei para dar aulas no período da manhã para ganhar 20 reais/hora. O que a gente não faz por um ideal, né? ;)

I love you.